Pharmacie française en ligne: Acheter des antibiotiques sans ordonnance en ligne prix bas et Livraison rapide.

Timbo.sc.gov.br


PREFEITURA MUNICIPAL DE TIMBÓ
Avenida Getúlio Vargas, 700
Timbó - SC, 89120-000
(0xx)47 3382-3655
www.timbo.sc.gov.br
FUNDAÇÃO CULTURAL DE TIMBÓ
CONCURSO PÚBLICO DA FUNDAÇÃO CULTURAL DE TIMBÓ - EDITAL 01/2010
EDITAL DE HABILITAÇÃO E CONVOCAÇÃO PARA A PROVA PRÁTICA
O Diretor Presidente da Fundação Cultural de Timbó/SC, Estado de Santa Catarina, no uso de suas atribuições legais e tendo em vista o disposto no artigo 37, inciso II da Constituição Federal e
juntamente com a Comissão Especial do Concurso Público n.º 01/2010, nomeada através da portaria n.º
1.339 de 24 de maio de 2010, CONVOCA, para realização de PROVAS PRÁTICAS, no local, datas e
horários abaixo descritos, os candidatos aprovados de acordo com o item 5.6, especialmente o subitem
5.6.4 do edital 01/2010, para os cargos de: Instrutor de Música Nível III – Acordeom, Instrutor de Música
Nível III – Bandonion, Auxiliar Museu da Música, Instrutor de Música Nível II – instrumentos de cordas
friccionadas (violino, viola, violoncelo e contrabaixo), Instrutor de Música Nível II – Piano e Teclado,
Instrutor de Música Nível II – Flauta e Clarinete, Instrutor de Música Nível II – Violão e Guitarra, Instrutor
de Dança, Instrutor de Teatro, Instrutor de Leitura, Atendente Museu da Música e Instrutor de Música Nível
I – Iniciação Musical e Técnica Vocal, a saber:
1. Os candidatos convocados para as PROVAS PRÁTICAS deverão comparecer no endereço abaixo
relacionado, munidos dos seguintes documentos:
a) Documento de identidade: cédula de identidade - RG ou carteira de órgão ou conselho de classe ou carteira de trabalho e previdência social ou carteira nacional de habilitação, modelo novo – expedida nos termos a Lei Federal nº 9.503 de 23 de setembro de 1997, com fotografia, dentro do prazo de validade. 2. Não serão aceitos protocolos, ou quaisquer outros documentos diferentes dos acima definidos.
3. Não haverá segunda chamada, seja qual for o motivo alegado para justificar a ausência do candidato. O
não comparecimento do candidato na prova importará em eliminação do concurso público.
4. O candidato deverá comparecer ao local da prova, com 30 minutos de antecedência, do seu horário
de convocação.
5. DAS DISPOSIÇÕES GERAIS DA PROVA PRÁTICA– ELIMINATÓRIA E CLASSIFICATÓRIA
5.1.
Esta Prova terá caráter eliminatório e classificatório e será avaliada na escala de 0 (zero) a 10 (dez)
pontos, considerando-se habilitado o candidato que nela obtiver nota igual ou superior a 5,00 (cinco) pontos.

6. DA AVALIAÇÃO DAS PROVAS PRÁTICAS PARA OS CARGOS DE:
Cargo 01 - Instrutor de Música Nível III – Acordeom
Cargo 02 - Instrutor de Música Nível III – Bandonion
Cargo 08 - Instrutor de Música Nível II – instrumentos de cordas friccionadas (violino, viola, violoncelo
e contrabaixo)
Cargo 09 - Instrutor de Música Nível II – Piano e Teclado,
Cargo 10 - Instrutor de Música Nível II – Flauta e Clarinete
Cargo 11 - Instrutor de Música Nível II – Violão e Guitarra
6.1
. Execução de uma peça solo instrumental de livre escolha, original para o instrumento, compatível com
o nível técnico exigido para o cargo pleiteado, a ser executada sem acompanhamento.
6.1.1. O candidato deverá entregar a Banca Examinadora, no momento da prova, três cópias da partitura da
peça a ser executada, as quais serão assinadas por ambos e que ficarão de posse da banca examinadora.
6.1.2. A execução poderá ser interrompida a qualquer instante, a critério exclusivo da Banca Examinadora,
que também poderá determinar a repetição de um ou mais trechos, visando melhor avaliação.
6.1.3. Somente serão aceitas transcrições se forem preservadas as características originais da peça e
indicados os respectivos arranjadores e editores.
6.1.4.
Para os cargos que exijam habilidade para mais de um instrumento o candidato poderá optar por
apenas um para fazer a prova.
6.1.5. A execução da peça não deve ultrapassar 6 minutos.

PREFEITURA MUNICIPAL DE TIMBÓ
Avenida Getúlio Vargas, 700
Timbó - SC, 89120-000
(0xx)47 3382-3655
www.timbo.sc.gov.br
FUNDAÇÃO CULTURAL DE TIMBÓ

6.2. Leitura a primeira vista de 1 (um) trecho musical específico para o instrumento escolhido (no caso de
cargos com mais de um instrumento) a ser sorteado no momento da prova;
6.3. Desempenho didático - Elaborar um plano de aula, tendo como tema a primeira aula de um aluno
iniciante, entregar o plano em 3 (três) vias para a banca examinadora. Fazer a explanação oral da aula para a
banca examinadora, indicando às técnicas a serem utilizadas. Demonstrar habilidade no exercício pretendido.
Apresentar oralmente objetivos e programa para realização do curso, incluindo conteúdo programático,
desenvolvimento e metas. Serão avaliados os seguintes aspectos: conhecimento e domínio de conteúdo;
capacidade de síntese e clareza na exposição do tema; utilização de linguagem correta e adequada,
exemplos e capacidade de contextualização, elaboração e exposição do planejamento (plano de aula);
utilização do tempo e integração teoria e prática.
6.4. Tempo máximo da prova: 20 minutos
7. DA AVALIAÇÃO DAS PROVAS PRÁTICAS PARA OS CARGOS DE:

Cargo 03 - Auxiliar do Museu da Música
Cargo 14 - Atendente do Museu da Música

7.1. Será exigido a execução de apenas 1 (um) instrumento, de livre escolha (melódico ou harmônico);
7.1.1. O candidato deverá executar uma peça de livre escolha que não ultrapasse 6 minutos.
7.2. O candidato deverá fazer uma explanação discorrendo sobre o seguinte tema: “A história da construção
de instrumentos musicais através dos séculos e gerações”,
especialmente sobre o instrumento utilizado para
a execução da peça do item 7.1.1.
7.3. Tempo máximo da prova: 10 minutos
8. DA AVALIAÇÃO DAS PROVAS PRÁTICAS PARA O CARGO DE:

Cargo 20 - Instrutor de Música Nível I – Iniciação Musical e Técnica Vocal

8.1. Execução de uma peça vocal de livre escolha de no máximo 5 minutos, gênero livre.
8.1.1. Somente serão aceitas transcrições se forem preservadas as características originais da peça e
indicados os respectivos arranjadores e editores.
8.1.2. O candidato deverá entregar a Banca Examinadora, no momento da prova, três cópias da partitura da
peça a ser executada, as quais serão assinadas por ambos e que ficarão de posse da banca examinadora.
8.1.3. A execução poderá ser interrompida a qualquer instante, a critério exclusivo da Banca Examinadora,
que também poderá determinar a repetição de um ou mais trechos, visando melhor avaliação.
8.1.4. O candidato poderá providenciar acompanhamento ou acompanhar-se em instrumento harmônico de
livre escolha.
8.2. Desempenho didático - Elaborar um plano de aula, tendo como tema a primeira aula de iniciação musical
e técnica vocal para um aluno iniciante, entregar o plano em 3 (três) vias para a banca examinadora. Fazer a
explanação oral da aula para a banca examinadora, indicando às técnicas a serem utilizadas. Demonstrar
habilidade no exercício pretendido. Apresentar oralmente objetivos e programa para realização do curso,
incluindo conteúdo programático, desenvolvimento e metas. Serão avaliados os seguintes aspectos:
conhecimento e domínio de conteúdo; capacidade de síntese e clareza na exposição do tema; utilização de
linguagem correta e adequada, exemplos e capacidade de contextualização, elaboração e exposição do
planejamento (plano de aula); utilização do tempo e integração teoria e prática.
8.4. Tempo máximo da prova: 20 minutos

PREFEITURA MUNICIPAL DE TIMBÓ
Avenida Getúlio Vargas, 700
Timbó - SC, 89120-000
(0xx)47 3382-3655
www.timbo.sc.gov.br
FUNDAÇÃO CULTURAL DE TIMBÓ

9. DA AVALIAÇÃO DAS PROVAS PRÁTICAS PARA O CARGO DE:
Cargo 12 - Instrutor de Dança

9.1. Prova de desempenho didático dos fundamentos da dança, ministrada pelo candidato, perante banca
examinadora que terá por objetivo avaliar os conhecimentos específicos e a capacidade do candidato,
bem como a desenvoltura para atuar como instrutor de dança.
9.1.1. Critérios para avaliação da prova prática: O candidato deverá ministrar uma aula relacionada ao
ensino da dança, onde será avaliada a técnica de alongamento; a ocupação do espaço; a criação de
movimentos coreográficos; o ensino de três estilos de dança, apresentando três técnicas de ensino
referentes a cada um dos estilos escolhidos pelo próprio candidato.
9.1.2. – Tempo máximo da prova: 20 minutos
10. DA AVALIAÇÃO DAS PROVAS PRÁTICAS PARA O CARGO DE:

Cargo 13 - Instrutor de Teatro

10.1. O candidato apresentará um pequeno monólogo, em no mínimo quatro (4) e no máximo cinco (5)
minutos, por ele escolhido, cujo texto deverá ser entregue em 3 (três) vias a banca examinadora.
10.2. Desempenho didático - Elaborar um plano de aula, tendo como tema a primeira aula de teatro para um
grupo de iniciantes, entregar o plano em 3 (três) vias para a banca examinadora. Fazer a explanação oral da
aula para a banca examinadora, indicando às técnicas a serem utilizadas. Demonstrar habilidade no exercício
pretendido. Apresentar oralmente objetivos e programa para realização do curso, incluindo conteúdo
programático, desenvolvimento e metas. Serão avaliados os seguintes aspectos: conhecimento e domínio de
conteúdo; capacidade de síntese e clareza na exposição do tema; utilização de linguagem correta e
adequada, exemplos e capacidade de contextualização, elaboração e exposição do planejamento (plano de
aula); utilização do tempo e integração teoria e prática.
10.3. Tempo máximo 20 minutos.
11. DOS CRITÉRIOS AVALIATIVOS

11.1. Prova Prática Instrumental
a) Precisão e fluência rítmica (todos os instrumentos)
b) Habilidade técnica
• Vibrato; técnica de arco (canto, violão, violino, viola, violoncelo, contrabaixo) • Técnica digital; homogeneidade da coluna de ar (flauta doce, clarinete) • Técnica de mão direita e mão esquerda (violão) • Afinação; articulação; uso adequado de dinâmica (todos os instrumentos). c) Interpretação adequada dos símbolos musicais (todos os instrumentos)
d) Correta leitura à primeira vista ao instrumento contemplando de modo satisfatório a execução das
alturas e a relação dos valores rítmicos e de dinâmica (todos os instrumentos)
11.2. Prova de desempenho didático
a) Clareza dos objetivos propostos no plano de aula;
b) Domínio do conteúdo exposto;
c) metodologia empregada: clareza na proposta metodológica priorizando a prática musical, teatral ou
coreográfica;
d) Comunicação e linguagem: vocabulário adequado, formulação de frases claras;
e) Fluência na sequência de idéias: enunciação sequencial de idéias em relação ao plano de aula;


PREFEITURA MUNICIPAL DE TIMBÓ
Avenida Getúlio Vargas, 700
Timbó - SC, 89120-000
(0xx)47 3382-3655
www.timbo.sc.gov.br
FUNDAÇÃO CULTURAL DE TIMBÓ

12. Do julgamento pela Banca Examinadora
12.1. Cada membro da Banca Examinadora lançará 01 (uma) nota para cada candidato, compreendida no
intervalo de 0 (zero) a 10 (dez).
12.2. Cada membro lançará sua nota em formulário próprio, preservando o sigilo das mesmas em relação
a qualquer pessoa, inclusive em relação aos demais avaliadores, e acondicionará sua ficha de avaliação
em envelope que será lacrado.
12.3. A nota da prova prática será obtida da média aritmética das 03 (três) notas lançadas pelos
avaliadores conforme a fórmula NPP = (NA1+NA2+NA3)÷3, onde NPP = Nota da Prova Prática, NA1 =
nota do avaliador 1, NA2 = nota do avaliador 2, NA3 = nota do avaliador 3.
12.4. Será considerado aprovado na prova prática o candidato que obtiver nota igual ou superior a 5
(cinco).
13. DO LOCAL, HORA E DATA DA REALIZAÇÃO DA PROVA PRÁTICA
13.1.
A prova prática será realizada no dia 22 de Agosto de 2010, com início as 8 (oito) horas, na Fundação
Cultural de Timbó, Rua 7 de Setembro, 414 ,Centro Timbó SC.
14 – DA CONVOCAÇÃO DOS CANDIDATOS
14.1 – Ficam convocados para a prova prática os seguintes candidatos relacionados no quadro I:

Horário
Inscrição
Matutino
II - FLAUTA E CLARINETE 11 - INSTRUTOR DE MÚSICA NÍVEL Horário
Inscrição
Vespertino
Horário
Inscrição
Matutino

PREFEITURA MUNICIPAL DE TIMBÓ
Avenida Getúlio Vargas, 700
Timbó - SC, 89120-000
(0xx)47 3382-3655
www.timbo.sc.gov.br
FUNDAÇÃO CULTURAL DE TIMBÓ

14.2.
Os horários dependerão do tempo de cada candidato, das pausas e intervalo entre os candidatos,
portando esteja no local 30 (trinta) minutos antes do horário acima estipulado.
14.3. A prova de cada candidato será realizada em um único dia, somente sendo considerado válido o
resultado final obtido.
14.4. Não haverá repetição na execução dos testes, exceto nos casos em que a banca examinadora
reconhecer, expressamente, a ocorrência de falhas técnicas em sua aplicação, falhas essas às quais o
candidato não tenha dado causa e que efetivamente tenham prejudicado seu desempenho;
14.5. O candidato somente poderá retirar-se do local de aplicação no momento em que for eliminado ou ao
seu término;
14.6. O candidato não poderá ausentar-se do local dos testes sem o acompanhamento de um fiscal;
14.7. Não haverá prorrogação do tempo previsto para a aplicação, em virtude de afastamento do
candidato, por qualquer motivo, do local dos testes;

14.8. O candidato que não atingir ou que não comparecer para sua realização será desclassificado e,
consequentemente, eliminado do concurso público, não tendo classificação alguma no certame.

15. Considerações finais:
15.1. Local da prova:
Todas as provas serão realizadas nas dependências da Fundação Cultural de
Timbó, as provas de instrutores de música e instrutores de dança e teatro acontecerão simultaneamente.
15.2. Na sala de apresentação somente será admitida a presença da banca examinadora, membros da
comissão especial do concurso e comissão organizadora da prova prática e assessores.
15.3. Não será admitida a entrada de terceiros ou acompanhantes no prédio onde serão realizadas as
prova.
15.4 Os casos omissos em relação a prova prática serão deliberados conjuntamente pela Banca
Examinadora, Comissão Especial do Concurso e os representantes do Instituto o Barriga Verde.
Jorge Revelino Ferreira Laércio Demerval Schuster Júnior
Diretor Presidente da Fundação Cultural Prefeito de Timbó

Source: http://www.timbo.sc.gov.br/upload/editais/EDI_PROVA.pdf

For immediate release / embargoed until [date]:

For immediate release New EASL data shows Investigational Medicine 'Victrelis'™ Gives Significantly Higher Cure Rates When Added to Peginterferon Alfa-2a and Ribavirin In Treatment-Failure Patients with Chronic HCV Genotype 1 Compared to Control EASL Data also shows Four-Week Lead-In Response and IL28B Status Helped Define Likelihood of Achieving SVR With 'Victrelis' Add

Microsoft word - deckblatt_zaimoglu_en.doc

Feridun Zaimoglu Kiepenheuer Witsch Verlag München 2006 ISBN 3-462-03696-3 Feridun Zaimoglu Translated by Margot Bettauer Dembo That disgraced sect of troublemakers can’t get the better of me in every single competitive business deal, Halid says, They’ll come to a bad end. He loops his wavy-edged reversible silk tie around his neck and bends down to drink some water

Copyright © 2010-2014 Pharmacy Drugs Pdf